BRASIL Vinte anos após condenação por assassinato, Guilherme de Pádua se casa na igreja

Cerimônia aconteceu na Igreja Batista de Lagoinha nesta sexta-feira

Minas Gerais – Guilherme de Pádua, de 47 anos, e a maquiadora Juliana Lacerda, de 30, realizaram nesta sexta-feira uma cerimônia religiosa para celebrar seu casamento. A cerimônia aconteceu na Igreja Batista de Lagoinha. Eles se casaram no civil em março deste ano.

Há 20 anos, Guilherme de Pádua foi condenado pelo assassinato da atriz Daniella Perez, filha da autora Glória Perez. Em 28 de dezembro de 1992, Guilherme e sua então mulher, Paula Tomaz, deram 28 tesouradas em Daniella Perez.

Em 1997, eles foram condenados a 19 anos e seis meses de prisão pelo crime. A pena, no entanto, foi reduzida a seis anos. Atualmente, Guilherme de Pádua é pastor evangélico.

Guilherme de Pádua (à esquerda) posa com amigo e a noiva, Juliana Lacerda Reprodução Internet

o dia

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *