Vida Nova_728x90

COMBATE À VIOLÊNCIA Estado lança Força Tarefa e reforça policiamento em Maceió e no interior

Governador Renan Filho entrega 68 novas viaturas e aumenta presença de policiais nas ruas

 

O cidadão alagoano ganha um forte aliado no combate à violência. Com o programa Força Tarefa, a presença policial será intensificada nas áreas que concentram os maiores indicadores de violência na capital e no interior. A ação contempla a entrega de 68 novas viaturas, que irão circular com o efetivo especializado do Bope e da Rádio Patrulha. Os policiais que aderirem ao programa receberão uma diária extra para atuar nos dias de folga.

 

“Com o Força Tarefa, o policiamento será reforçado, concentrando um investimento superior a R$ 1 milhão, a cada mês, para aumentar a presença do efetivo nas ruas”, ressaltou o governador durante o lançamento do Programa nesta segunda-feira (20).

 

O gestor lembrou que as novas viaturas e equipamentos adquiridos fortalecem o serviço de inteligência, reforçado com a inauguração do primeiro Laboratório Forense de DNA de Alagoas. “Trata-se de uma ação integrada, com foco em resultados concretos, para seguirmos reduzindo a violência no Estado”, ressaltou o governador.

 

 

 

Programa chegará a outros municípios

 

Além de Maceió, o programa atenderá a municípios como Arapiraca, União dos Palmares, Penedo, Porto Calvo, Santana do Ipanema e Delmiro Gouveia. “A Força-Tarefa é mais um passo decisivo para a promoção de uma cultura de paz no Estado, que vem recebendo ações inovadoras, a exemplo dos Centros Integrados de Segurança Pública (CISPs). São medidas que aumentam a presença policial e dão mais segurança à população”, pontuou o governador.

 

O programa Força Tarefa prevê a participação dos policiais durante o período de folga. Cada agente de segurança recrutado receberá a diária de R$ 120. Durante a solenidade de lançamento, o governador confirmou o lançamento do edital para realização de concurso público para a Polícia Militar e Corpo de Bombeiros até o dia 30 de abril. O certame terá mil vagas para a PM. O Governo de Alagoas também estuda o acréscimo de vagas para o Corpo de Bombeiros e para a Polícia Civil, que pode ter parte da reserva técnica convocada.

 

Márcio Ferreira
Márcio Ferreira
Márcio Ferreira
Márcio Ferreira
Márcio Ferreira
Márcio Ferreira
Márcio Ferreira
Márcio Ferreira
Márcio Ferreira

 

Agência Alagoas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *