Cria
Home Destaque Familiares acreditam que ossada encontrada é de jogador: ‘Tudo aponta para o pior’

Familiares acreditam que ossada encontrada é de jogador: ‘Tudo aponta para o pior’

Familiares acreditam que ossada encontrada é de jogador: ‘Tudo aponta para o pior’
0
0

 

Foto por: TNH1

Familiares do jogador de basquete Alysson Rodrigo Santos Silva foram até o Instituto Médico Legal (IML), na tarde desta quinta-feira (09), na tentativa de obter mais informações sobre a ossada humana encontrada na manhã desta terça-feira (09), no povoado Cavalo Russo, em Marechal Deodoro. Segundo eles, o cadáver seria mesmo do jovem desaparecido desde 16 de dezembro de 2017.

O irmão da vítima, identificado como Marcondes (foto abaixo), declarou que a espera por informações sobre o jogador pode ter acabado e que há muita chance do corpo ser realmente de Alysson. “Passávamos 24 horas do dia esperando a melhor notícia, mas infelizmente tudo aponta para o pior. Agora é seguir em frente. Quando minha mãe viu a matéria na TV, começou a chorar na mesma hora”, lamentou.

De acordo com os parentes, a camisa da Federação de Basquete de Alagoas, encontrada ao lado do corpo, não pertence ao jogador. Eles informaram que o jovem costumava pegar carona com o árbitro do time de basquete, identificado inicialmente como Rodolfo, que seria o dono do uniforme. Como Alysson estaria na garupa da motocicleta no momento em que foi abordado por supostos policiais, provavelmente estava em posse dos pertences do árbitro que estavam em uma mochila.

Já um tio de Alysson, que não teve o nome revelado, afirmou que o sobrinho estava convivendo com más companhias. “Eu soube, através da mãe dele, que o Alysson andava com pessoas erradas. Ele saía meia-noite de casa e só voltava de madrugada. Não sabíamos o que ele andava fazendo. Posso dizer que os amigos dele eram pessoas de índole duvidosa”, disse.

A perícia, a Polícia Civil e o IML estiveram no local que foi encontrado o cadáver, nesta manhã, e um exame inicial apontou que o crânio da vítima apresentava perfurações que podem ter sido causadas por disparos de arma de fogo.
O órgão aguarda o envio da documentação com informação sobre a arcada dentária do jovem para confirmar oficialmente se o corpo é do jogador. A família ficou de providenciar os papéis para encaminhar ao órgão.

O caso
No último dia 16, o jogador foi raptado por dois homens encapuzados, próximo a Praça da Faculdade, no bairro do Prado, em Maceió. Segundo testemunhas, os criminosos pararam a moto em que Alysson estava com um amigo, voltando de um jogo de basquete, e disseram ser policiais. Após isso, o jovem foi colocado dentro de um carro Saveiro, de cor e placa não identificada, e desapareceu. O amigo nada sofreu.

tnh1

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *