Home Geral Alagoas A PARTIR DE MAIO Governador anuncia reposição salarial de 4.52% a todos os servidores estaduais

A PARTIR DE MAIO Governador anuncia reposição salarial de 4.52% a todos os servidores estaduais

A PARTIR DE MAIO Governador anuncia reposição salarial de 4.52% a todos os servidores estaduais
0
0

Em coletiva, Renan Filho oficializou a inclusão da 4ª e última faixa salarial dos funcionários, que passam a receber seus proventos dentro do mês trabalhado

O governador Renan Filho garantiu, na manhã desta terça-feira (20), que fará a reposição salarial de 4.52% a todos os servidores públicos estaduais, já a partir do próximo mês. O anúncio foi feito durante entrevista coletiva no Palácio República dos Palmares para comunicar a inclusão da quarta e última faixa salarial dos funcionários, que passam a receber seus proventos dentro do mês trabalhado.

“No mês de maio, nós vamos garantir a reposição salarial da inflação do ano passado a todos os servidores públicos do Estado de Alagoas. Num momento em que o país vive a pandemia, muitos (estados) têm dificuldades de pagar os salários em dia, a gente vai repor a inflação do ano anterior, que foi de 4.52% (medida) pelo IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo)”, informou Renan Filho.

“Isso vai garantir ao servidor alagoano um alento, mais renda disponível na economia, maior poder de consumo e ajudar Alagoas a se recuperar desses efeitos tão graves que a pandemia traz para todos os estados brasileiros”, acrescentou o governador, ao lado do secretário da Fazenda, George Santoro.

De acordo com o titular da Pasta, a reposição com as perdas inflacionárias representará aproximadamente R$ 160 milhões ao ano em novos recursos injetados na economia alagoana. “São R$ 260 milhões de antecipação dos salários, que seriam pagos em 2022 para 2021, mais R$ 160 milhões de aumento salarial. Isso representa R$ 420 milhões de recursos novos circulando na economia, nesse ano de pandemia no Estado”, avaliou Renan Filho.

De acordo com Santoro, a medida de reposição salarial já estava programada pelo governador desde o início do ano, que solicitou a feitura de estudos nesse sentido. “A gente já tinha trabalhado para prever essa despesa no orçamento desse ano. A medida vai ajudar a economia sem dúvida nenhuma, porque você está injetando mais recursos. Isso movimenta o comércio, a indústria, os serviços; ajuda nesse momento de crise a gerar e manter empregos”, analisou o secretário da Fazenda.

Antecipação

A coletiva de imprensa também serviu para anunciar o pagamento da folha, dentro do mês trabalhado, aos servidores que recebem mais de R$ 7 mil de salário líquido. Auditores fiscais, delegados da Polícia Civil, procuradores de Estado e oficiais da Polícia Militar (PM) e do Corpo de Bombeiros Militar (CBM) passam a receber seus proventos no dia 30, já a partir deste mês.

O cronograma teve início em janeiro com os servidores da Saúde e seguiu em fevereiro (Educação) e Março (Segurança Pública). “Continuamente, estamos colocando os servidores públicos do Estado de Alagoas para receber dentro do mês trabalhado. Essa é uma reivindicação de todos, é o cumprimento da legislação e é o Estado de Alagoas, depois de 30 anos, voltando a pagar os servidores públicos em dia, tanto os que estão na ativa quanto os aposentados”, destacou Renan Filho.

Concursos

Após anunciar, no final do ano passado, a realização de um robusto ciclo de concursos públicos em Alagoas, com cerca de 6 mil vagas, principalmente nas áreas da Segurança Pública, Saúde e Educação, Renan Filho garantiu também, nesta terça-feira, a realização de certame para a Agricultura, sobretudo destinado à Assistência Técnica Agrícola.

“O Estado hoje tem condições de estruturar melhor o serviço público. A Agricultura é um setor muito importante, estratégico para Alagoas, que distribui renda, dialoga com a necessidade dos pequenos produtores rurais, dos agricultores familiares; pessoas que precisam colocar o seu pedacinho de terra para produzir e isso, com o apoio do Estado, pode ser feito de maneira mais facilitada”, concluiu.

Agência Alagoas

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *