Home Geral Brasil Bolsonarista Alexandre Garcia desligar telefone quando perguntado sobre os vídeos do seu canal

Bolsonarista Alexandre Garcia desligar telefone quando perguntado sobre os vídeos do seu canal

Bolsonarista Alexandre Garcia desligar telefone quando perguntado sobre os vídeos do seu canal
0
0

Mauricio Stycer perguntou ao jornalista bolsonarista o motivo pelo qual ele apagou e restringiu uma série de vídeos de seu canal em que defendia tratamento precoce e colocava vacinas e dúvida, mas não obteve resposta

Após ser confrontado pelo apresentador da CNN, Rafael Colombo, ficar sem falar por vários segundos e ainda ameaçar não voltar ao programa, o jornalista bolsonarista Alexandre Garcia não respondeu a uma pergunta do colunista Mauricio Stycer nesta quinta-feira (6).

Stycer entrevistava Garcia por telefone e, em um determinado momento, questionou o motivo pelo qual ele apagou e restringiu uma série de vídeos em seu canal do YouTube. A maior parte dos vídeos que o jornalista agora tenta esconder colocavam as vacinas contra a Covid-19 em dúvida e ainda defendiam o chamado “tratamento precoce” pregado por Jair Bolsonaro, que não tem eficácia contra a doença do coronavírus.

Quando a pergunta foi feita, no entanto, a ligação “caiu” misteriosamente, segundo conta o colunista. “Durante a conversa, questionei Garcia sobre os vídeos recentemente apagados em seu canal no YouTube. O jornalista teve um vídeo apagado pela empresa no final de abril e, em seguida, vários outros foram tirados do ar por iniciativa própria. ‘Não foi pra mim, não. Foi o Google no mundo inteiro’, respondeu. Em seguida, a ligação caiu e não consegui mais falar com ele”, detalhou Stycer.

Antes da pergunta sobre os vídeos e a ligação supostamente “cair”, o colunista perguntou a Garcia sobre o fato dele ter ficado em silêncio mais cedo, ao vivo na CNN, depois de ser confrontado, e ainda ter ameaçado não voltar ao programa. O jornalista, por sua vez, minimizou: “Aconteceu que a editora me avisou no ouvido que eu não tinha mais tempo, que tinha se esgotado e eu tinha que devolver. Que eu tinha só um minuto. Só isso”.

 

Revista Forum

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *