Cria
Home Geral Brasil PF resgata marinheiros que viviam em navio em condições análogas à escravidão

PF resgata marinheiros que viviam em navio em condições análogas à escravidão

PF resgata marinheiros que viviam em navio em condições análogas à escravidão
0
0

A operação atendeu denúncia de que dois homens, que trabalhavam na embarcação fundeada na Baía de Guanabara, eram vítimas de maus-tratos

Uma operação da Polícia Federal (PF) e de Auditores do Trabalho resgatou dois marinheiros que trabalhavam e viviam em condições análogas à escravidão. As vítimas estavam em um navio fundeado na Baía de Guanabara, Rio de Janeiro.

O nome e a procedência da embarcação, assim como a identidade do proprietário, não foram revelados pelas autoridades que atenderam à ocorrência.

Os trabalhadores foram levados pelos Auditores do Trabalho à sede da instituição. No local, depuseram e, em seguida, foram encaminhados para hotéis, onde aguardarão outras providências.

“A empresa responsável pela embarcação será autuada pela fiscalização do trabalho, que, posteriormente, remeterá à Polícia Federal relatório de fiscalização, visando a instauração de inquérito policial para apurar os fatos”, informou a PF.

 

Revistaforum

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *